AFROPUNK DO MEU CORAÇÃO

Lembra que eu já tinha falado por aqui que qualquer dia desses eu iria falar pra vocês do AFROPUNK? Então, aproveitando que eu tô me rasgando inteira no recalque de não ter conseguido ir ao Afropunk Fest, no Brooklyn, NY, para falar pra você um pouco desse movimento que permeia a música, a moda … as artes em geral, e que eu e você muito provavelmente temos alguma influência em nossos guarda-roupas e que cada vez mais faz sucesso e é tendência influenciadora no estilo de jovens negros de todo o mundo.

Mãe. Eu ainda sou Jovem?… enfim… consideremos que sim, ok!

Enfim, pra começar eu quero logo dizer que o Afropunk não é nada tão novo assim, tá! Erika Badu é Afropunk, Prince é Afropunk e a minha avó Anita já era afropunk e não sabia porque esse nome apareceu nos Estados Unidos muitas dezenas de anos após o seu nascimento…

Claro que a influência da África nesse movimento é bem evidente e a liberdade do espirito punk também, e esse colorito afrontoso é tão forte, tão forte, que se tornou referência comportamental – musical e cultural também, claro!  O Afropunk nasceu da cena músical, mas cada vez mais eu observo que cada vez mais pessoas adotam o jeito o estilo na moda sem curtir a música e, muitas vezes sem ao menos saber da música.

Continue lendo →

PROJETO NEGRAS DO BRASIL VEM À VITÓRIA

O Coletivo das Pretas, no dia 13/09/2015, terá a felicidade de receber o PROJETO NEGRAS DO BRASIL, uma iniciativa maravilhosa da Da Mata Makeup, da lindíssima e competente Daniele Da Mata, que roda o Brasil em workshops personalizados e especializados em mulheres afro-descendentes.

Eu acho top fenomenal, né! Até porque, mesmo com a minha intimidade com a maquiagem, eu confesso que tenho muitas dificuldades em fazer a minha pele e esconder as orelhas, por exemplo. E talvez seja por isso que eu tenha sido a primeira inscrita no curso.

Pensa em uma aula em que você senta entre amigas, cada uma com seu espelhinho, kit de pinceis e maquiagem (você não precisa levar a sua maquiagem, ok!), tirando dúvidas que dramatizam a nossa vida como a uniformização da pele de forma que ela fique o mais natural possível… Além de dicas de como e quais são os melhores produtos para você comprar…

A Daniele da Mata é um fenômeno, né! Fora que a iniciativa de um projeto que enaltece essa nossa beleza negra é de uma valia sem igual, principalmente se você leva em consideração a dificuldade que nós temos em encontrar profissionais que de fato saibam nos maquiar da forma devida (só quem já sofreu com a cara acinzentada ou de gueixa,sabe).

Continue lendo →

VIRAMOS UM COLETIVO

Quem me acompanha nas redes sociais sabe que logo após o ENCONTRO DAS PRETAS, nós fomos praticamente obrigadas a criarmos um grupo delicioso de mulheres  que se reúnem esporadicamente em locais diferentes para conversar sobre empoderamento, compartilhar bibliografias, pensar em ações coletivas que consigam atingir cada vez mais pessoas.. e nesse grupo, colocamos o nome de COLETIVO DAS PRETAS… Agora a coisa mais bacana é que esse coletivo tem agendas em cidades que fogem ao nosso tradicional, ou seja, o interior do Estado e tudo mais.

Isso não é bacanérrimo? E pra vocês já se agendarem e acompanharem o nosso grupo que só cresce (Graças à Deus!), se apega no nosso calendário e não marca nada no dia, porque cada um desses encontrinhos do Coletivo, é sempre muito recheado de surpresas!

Dia 31/08 – Serra /  Dia 13/09 – Vitória / Dia 20/09 – Santa Tereza / 27/09 – Guarapari e muito mais a caminho.

Essa história de coletivizar conhecimentos e relatos empoderadores sempre me fez muito bem. A visão do outro sobre as minhas questões e a minha observação sobre às questões alheias sempre me foram de grande valia, principalmente, porque as histórias de discriminações, humilhações, racismos e sexismo são comuns a todas às afrodescendentes, independente de classe social, profissão, etc etc… E quem é sabe bem do que eu estou falando.

Fazer isso de forma apartidária e leve, pelo menos pra mim, tem sido muito positivo e eu falo mesmo: minha vida mudou pra melhor! Eu me sinto uma pessoa melhor, sabe… não melhor de superior, mas melhor de leve.. entendem!?

É importante frisar aqui que, salvo algumas ações específicas como workshops, oficinas e outras aulas que precisamos gastar ou investir alguma coisa para trazermos as pessoas que queremos, na entrada e a participação nos encontros do Coletivo é cobrada apenas 1kg de alimento não perecível que será encaminhado à Instituição de Caridade.

Então, é isso… passei só pra avisar que a onda não pode parar.

SHAMPOO SÓLIDO?

Quando o povo me pergunta o que de novo eu vi e usei que fez diferença no meu cabelo, eu sempre respondo: SHAMPOO ORGÂNICO SEM SULFATO, EM BARRA… e a reação é quase sempre a mesma, de espanto. Isso porque a maioria das pessoas logo associa o shampoo em barras ou shampoo sólido, como preferir, ao sabão em barras do tanque de lavar roupas… e eu rolo de rir.  Porque eu sou dessas! Não que isso seja muita novidade, porque não é, mas inexplicavelmente tem muita gente que nunca ouviu falar sobre o assunto e desde já eu aviso – TODO MUNDO MERECE!

Mas a verdade é que além de ser super prático, durar horrores e normalmente ser mais barato do que os shampoos sem sulfato oferecidos pelo mercado, esse tipo de produto me dá aquela sensação de estar fazendo a coisa certa, sabe como?  E essas coisas orgânicas sempre me despertam um contato especial com meu cabelo, pele… tudo mais.

O mais interessante é que, apesar de estar escrevendo agora, o shampoo sólido não é nenhuma novidade pra mim. Há muito tempo comprei uns da LUSH em uma viagem, porque achei a proposta interessante e porque eu sou desse tipo de viajante consumista que compra coisas que não tem no Brasil só porque achou bonitinho. Mas depois de dar alguns e acabar com todos os que eu tinha, eu voltei ao uso do shampoo tradicional… isso até o ALQUIMISTA DE CHAD me mandar três itens desse gênero com o cheiro e a cara do Brasil.

E pra quem anda se perguntando como é o uso desse shampoo sólido, eu vou logo explicar que não é nada de extraordinário não: Com o cabelo molhado, esfregue a barra algumas vezes até fazer uma espuminha – massageio o coro cabeludo e o cabelo como de costume e Enxague. E Repita o processo até que você sinta seus fios limpo.

Continue lendo →

SE RASGA NA GILETE – MAS SE RASGA M.U.I.T.O

Pode ser que a foto tenha sido tratada SIM, bem como a maioria das fotos que são disponibilizadas pela mídia nos dias de hoje. Mas considerando o fato de Thais Araújo estar maravilhosa apenas sete meses após parir seu segundo filho e eu, nesta mesma época, estar absolutamente baranga-demônia-feiapagarai depois do meu primeiro e único filho, já tenho um motivo pra me garra no recalque, né!?

Eu só posso pensar que Deus não dá asa à cobra e tem um plano pra mim , mesmo… porque quando eu vejo a Thais Araújo eu sempre penso: PORQUÊ NÃO EU?

Desabafei. Pronto.